sábado, 2 de junho de 2018

Shuu Maniac Prólogo ~ More,Blood


-Monólogo-

–Cada vez que eu encontrava o Edgar
Ele me ensinava várias coisas.

Como juntar lenha,
Como cultivar maçãs,
Como caçar,
Como passar a noite sem fogo...

Cada uma dessas coisas
Eram coisas que na mansão
Ninguém me ensinava

Eu percebi o quão pequeno era o mundo
Em que eu vivia até então.

Mas, pela primeira vez na vida,
Esse mundo pareceu brilhante.

O que eu seria capaz de fazer pelo Edgar,
Que me deu tudo isso?

Desde então,
Eu vim pensando sobre isso.

-Flashback-

[Floresta]
Edgar: Que...!? Ei, Shuu, o que você disse agora?
Shuu: Então, um baile. Baile.
Edgar: E-eu... num baile!?
Shuu: Isso. Você disse que queria ir, não? Então vamos.
(... Ah, que bom. Ele parece ter gostado um pouco da ideia.)
Edgar: Mas... Olha, minhas roupas são tudo assim...
Shuu: Tudo bem. Eu vou preparar roupas pra você. Não se preocupe.
Edgar: Ah bom... Eu pensei que até morrer nunca iria em um baile...
Shuu: ... Edgar, você escutou o que eu falei? Nós vamos no baile!
Edgar: ... É, vamos! Valeu, Shuu!
Shuu: ... Você me ensinou a juntar lenha, essa é a minha forma de retribuir. Então, vamos!
Edgar: Oh!

[Salão]
Shuu: (Pra que o Edgar não se sinta nervoso, eu tenho que ser firme. Certo...)
Boa tarde.
Mulher aristocrata A: Oh, boa tarde. Mas que raro, ser cumprimentada pelo filho da família Sakamaki. E esse ao seu lado é...?
Shuu: Um novo empregado.
Edgar: O-olá...
Mulher aristocrata A: Entendi. Então, boa tarde.
Edgar: ... Sh-shuu, será que ela não descobriu? Será que está tudo bem...?
Shuu: Está tudo bem.
Edgar: Se você diz, tudo bem. Ahh... que nervoso. Mas, é divertido né?
Shuu: (Que bom...!)
Edgar: E ainda por cima... tem tanta gente bonita aqui. Sua mãe está aqui?
Shuu: Ela não está aqui.
Edgar: Ah. Sua mãe deve ser super bonita.
Shuu: ...Sei lá.
(A aparência não muda nada, não importa o quão bonitas sejam as roupas que ela veste...)
Reiji: ... Olha só... Hehe. Shuu, quem é esse? Nunca o vi por aqui...
Shuu: ...
(De todas as pessoas, por que o Reiji veio... Parece até que ele descobriu e se aproximou por causa disso...)
Edgar: Ah... Bem, eu sou–
Reiji: Cale-se, seu imundo... Por favor, alguém de classe baixa como você não deve abrir a boca e se dirigir a mim.
Edgar: !
Shuu: Reiji...!
Reiji: Hmph... É mesmo, já que você se meteu nesse lugar, por que não dança um pouco?
Ou então, será que você não sabe dançar?
Edgar: ...Ugh...
Shuu: Reiji, pare com isso.
Reiji: Olha só, mas que raro isso. Você dizer algo assim pra mim.
Edgar: E-eu vou dançar!
*Edgar sai*
Shuu: ...Edgar!
Reiji: Olha só... Hehe... Isso vai ser interessante.

Edgar: Pra dançar, é só eu imitar as pessoas que logo eu–
Garota aristocrata A: Ahh!
Edgar: Ah! M-me desculpe...!
...Ah...Wah!
Garota aristocrata A: Ei! Você pisou na minha saia, viu!?
Edgar: Uhh... De-desculpa.
Shuu: (Ugh... Se eu aparecer aqui, vai virar algo maior ainda e o Edgar vai atrair ainda mais atenção...)
(Desculpa, Edgar... Eu não consigo te salvar...)

Edgar: ... ...
Shuu: Edgar...
Edgar: ...Desculpa, Shuu.
*Edgar sai correndo*
Shuu: Ah... Espera!
Reiji: Shuu. Que tal você abrir os olhos de uma vez?
Você, o herdeiro da família Sakamaki, fazendo amizade com um humano inferior, e ainda o trazendo para o nosso território...
O que o nosso pai diria disso? Nós e os humanos somos seres sempre em conflito, sabe?
Os humanos tem medo de nós e nos evitam. E nós somos uma espécie que os consome e usa disso para sobreviver.
Shuu: .... ....
(Droga...!)
*Shuu sai correndo*

[Floresta]
Shuu: *sem fôlego* ... Edgar! Onde você está, Edgar!!?
... ...
(Droga... É minha culpa. Tudo porque eu... convidei o Edgar)
(Ele deve estar bravo... Talvez ele não queira mais ser meu amigo)
... Edgar?
Edgar:...Oi... ... Desculpa por antes, Shuu.
Shuu: Edgar...! Você não tem que se desculpar por nada.
Edgar: Sabe, eu e os aristocratas... realmente vivemos em mundos diferentes. Mas, foi muito divertido!
Shuu: ... ...
(Por que ele diz isso? Ele deveria estar mais bravo...)
Me desculpa, de verdade. Por minha culpa, você passou por uma situação difícil.
Edgar: Tudo bem, tudo bem. Pra começar, eu nem deveria ter ido.
Não é algo que você precise se desculpar. É claro que não iam gostar de me ver lá. ... Vou devolver essas roupas também.
Shuu: ...Ah...
Hm...? Edgar, o que é esse machucado no seu ombro...? Você se bateu em algum lugar?
Edgar: Ah isso? Quando eu era pequeno, eu subi no telhado e caí.
Shuu: ...Ah bom.
Edgar: Oh...Pronto! Ah, realmente, isso aqui combina mais comigo do que essa roupas formais.
Shuu: ... Edgar...

-Monólogo-
No fim, eu
Não fiz nada além de machucar o Edgar

Quanto mais eu penso que
Essa não era a minha intenção,
Mais eu vejo a minha insensibilidade e odeio isso.

Se eu dissesse que era melhor não ter feito nada,
Mas não é esse o caso.

Por querer fazer algo,
Eu não consegui fazer nada além de machucar alguém.

O que é um aristocrata?
O que é um vampiro?

Com as minhas próprias mãos,
Eu não consigo fazer nada.

-Fim do Flashback-
[Sala de Estar]
Yui: (Onde será que o Shuu-san foi?)
(Será que ele saiu pra rua...?)
(Parece que essa chuva não vai parar tão cedo, então espero que ele tenha levado guarda-chuva...)
...Ué...?
(Quem está ali–)

[Exterior da Mansão]
Yui: Shuu-san!
Shuu: ... ...
Ah... é você.
Yui: O que você está fazendo aqui...?
Shuu: ... Nada.
Yui: E sem guarda-chuva...
Shuu: ... ...
Yui: Você está todo molhado. Vamos entrar, por favor. Você vai ficar resfriado.
Shuu: Você é idiota?... Vampiros não ficam resfriados.
... Não me trate como um humano.
É tudo diferente...
... Realmente, tudo...
Yui: ...?
(O que será que houve com o Shuu-san?)
Shuu: ...Droga.
Yui: Aconteceu... algo de ruim?
Shuu: Quê? Algo de ruim? É. Eu estou vivendo nesse mundo. Isso por si só já é desagradável.
Yui: Isso não...
Shuu: Vocês humanos e nós somos incompatíveis.
Vocês humanos são apenas comida para nós. São como gado. Você já entende isso, não?
Yui: ... ...
Shuu: Por isso, é claro que nossos valores são diferentes.
... Pra nós, a vida é uma tortura que prolonga o sofrimento.
Yui: (O Shuu-san realmente... está diferente do normal)
(Normalmente ele não é assim... De alguma forma, ele parece desesperado...)
Shuu: ... Se você entendeu, não se aproxime mais.
Os vampiros Mukami apareceram, não é? E ainda, eles querem você.
Por que você não sai dessa cidade... e foge pra ainda mais longe? Eu não vou te proteger.
Porque o meu orgulho como vampiro dessa casa já desapareceu há muito tempo.
Yui: (...Shuu-san...? Ele parece estranho...)
Shuu: Se você ficar ao meu lado, com certeza vai acontecer algo de ruim.
Yui: Eh...?
Shuu: Viu, bem assim, você viraria isca–
Yui: ... É verdade que eu poderia conseguir fugir se realmente tentasse.
Shuu: ...Então, por que você não foge? Você é uma masoquista genuína e ficou viciada no prazer de ter o sangue sugado?
Yui: Eu mesma... não entendo.
Shuu: Ha... Mesmo sendo sobre você mesma?
Yui: Mesmo que eu tente fugir... Não sei porque, mas eu acabo pensando em parar aqui. ... É como se fosse uma maldição.
Shuu: Ha... Realmente, você parece ter predisposição para carregar dificuldades.
Bom, pode ser culpa desse seu coração estranho... Mas.
Yui: ... ...
Shuu: Agora, minha garganta está tão seca, tão seca, que não tem jeito... Eu não consigo aguentar.
Se você não quiser ter o sangue sugado de forma cruel, desapareça logo daqui.
Ou então, você quer que eu crave minhas presas na sua pele e beba o seu sangue até você desmaiar?
Yui: (Eu não quero isso, mas... Eu não posso deixar o Shuu-san aqui sozinho)
(Se eu disser isso ele vai ficar bravo, mas... De alguma forma, o Shuu-san...)
(Parece muito, muito solitário...)
Shuu: Tch... Eu te avisei.
Se você não respondeu, é sinal de que eu posso ser cruel então? ... Fazer o que.
*Pega faca*
Yui: ...!?
(Será que ele pretende me ameaçar com essa faca para me afastar...?)

Shuu: ... Mesmo assim, você não vai fugir?
Yui: O que você pretende fazer... com essa faca?
Shuu: Hmm... Então você hesita um pouco com isso?
Yui: É-é claro...!
(Mas, por que será...? Eu não quero deixar o Shuu-san aqui sozinho!)
De qualquer forma, vamos pra um lugar onde a chuva não alcance... Ok?
Shuu: ... Que mulher insistente. Você não pretende bancar a atenciosa né?
Yui: ... Não...
Shuu: Eu avisei várias vezes. ... Se eu furar o seu olho com isso aqui, você não pode reclamar depois.
Quando o grau de intromissão vai muito longe, é pecado... Eu vou te ensinar.
Yui: ...!?
Shuu: Venha. A sua nuca.... Eu vou perfurar com as minhas presas. Do jeito que você quer... ...
*morde*
Yui: Ahh... ...!
(Eu sabia que isso ia acontecer)
(Por que será que eu... não consegui deixar o Shuu-san sozinho?)
Shuu: Mn... Ah... Mais... Mais.
Droga... Ah, por que... Mesmo... Eu bebendo o seu sangue assim... Mn...
Vez após vez... O desejo vem mais forte... Ah... Mn...
Yui: (Shuu-san!)

Autora: Runa [Armazém Otome]
Leia Mais ►

sexta-feira, 25 de maio de 2018

Azusa Ecstasy 7 - More Blood




-Monólogo-

Se Ruki-kun não é o único a dizer-lhe
Ele não vai acreditar na coisa do seu braço.
Azusa-kun é teimoso, ele é o mesmo de sempre.
Apesar,
Quando nos conhecemos,
Não me importei
Sorrindo o tempo todo para ele.
Mas na verdade…… eu estava triste.
Claro, para Azusa-kun
Esse braço é importante;
Eu sei disso… …
Mas…… eu absolutamente odeio apenas
Sentado aqui, vendo ele morrer.
Eu quero salvar sua vida.
É por isso que vou encarar você.
Mesmo se eu tiver que
Trair Azusa-kun.
Por favor
Deixe que esses sentimentos cheguem até você

-Fim do Monólogo; Cena: Sala de Estar Mukami-

-Azusa se corta; Flash Vermelho- [A gente já começa assim ;-;]

Azusa: Fufu… …

Yui: … … Azusa-kun.

Azusa: Ahh, Yui-san.


Olha, parece que posso fazer uma amiga para o Justin.

… … … … Kgghh.

Yui: A-Azusa-kun! Você está bem… …?

Azusa: Sim, nada para se preocupar… …

Só um pouco mais, quase lá… …

-Mais cortes; Flash Vermelho-

Azusa: Hehe… …

Você ficará satisfeita Yui-san?

Yui: … … … …

Não, Azusa-kun. [Finalmente uma atitude \o/ ]

Azusa: Ehh… …?

Yui: A verdade é que… … … …

Por favor… … Vamos parar agora?

Azusa: … … Por que… …? Você odeia o Justin?

Yui: Não. Não é isso… …

… …Não há sentido. O seu braço… …

Azusa: … … Huh… …?

Yui: É a ferida do tiro do meu pai… … A menos que façamos algo sobre isso 
rapidamente… … Você vai… …

Azusa: Eu… … eu vejo.

Você ouviu o Ruki?

Yui: Sim… …

Azusa: … … eu sabia disso… …

Então… … Você está tentando me dizer o que fazer… …?

Yui: Isso é... ...

Azusa: Se você puder dizer isso… … você também pode dizer adeus ao Justin?

Yui: … … … …

Azusa: Ahh, isso é bom… … Você não pode dizer isso.

Eu vou te dizer. Essas crianças são seres preciosos para mim...

Sinto muito por duvidar de você… … Ei, é por isso que……

Vou te emprestar esta faca… … Você pode esculpir o Justin para mim… …?

Yui: … … … …

Azusa: Agora, rapidamente.

Yui: … … eu não posso fazer isso… …

Azusa-kun, vamos parar com isso?

Eu entendo o quão importante Justin é para você.

Mas… … Você, e Ruki-kun e os outros…… Essas pessoas são sua família.

É por isso que você não deveria mais se machucar. Estou lhe pedindo… …

Azusa: … … Por quê?

Por que você está dizendo isso? Por que? Porque, porque… …

PORQUE!? [Eita, o menino ficou louco. Já era pra ti Yui!]

Nn… …!

Yui: Aah… … !!

Unngh… … P-Pare com isso, Azusa-kun… …!

Azusa: Não. Eu não vou parar. Porque você é tão obstinada……!

… … … … Tudo isso é uma merda.

Haa… … Nn… …

Yui: A-Azusa-kun… …!

(Aah, meu corpo está rapidamente se tornando pesado... ...)

Azusa: Nn… … é doloroso?

Se você quiser que isso pare, prometa que nunca mais dirá isso.

Yui: Isso é ...

… … Não posso… … não posso fazer essa promessa.

Azusa: … … Hmmm.

Então faça uma promessa.

Até que você prometa. Eu vou continuar a estrangular seu pescoço.

-Azusa começa a estrangular Yui-



抵抗 → Resista desesperadamente [Sadista]

Yui: Mesmo se você fizer isso… …

Eu não posso prometer isso!!

Azusa: … … Kch.

-Azusa larga o seu pescoço-

Yui: *Respira profundamente*… …


 → Não consegue resistir [Masoquista]

Azusa: … … …

Yui: (Aah… … eu vou morrer neste ritmo… …?)

Azusa: Eu realmente vou te matar.

Yui: (Aah… …)

Azusa: Eu realmente vou, então… …!

Yui: … … … …

-Azusa larga o seu pescoço-

Azusa: … … Por que…



Azusa: Por que você diz isso… …

Yui: Porque... ...

Azusa: Yui-san, eu te odeio, te odeio tanto… …!

-Azusa foge-

Yui: (Me desculpe, me desculpe ... ...)

(Mas… … Ainda assim, eu não quero que você morra)

-Monólogo-

Eu não queria machucar Azusa-kun.
Mas… … mesmo se eu fizesse,
Eu ainda não quero que ele morra.
Azusa-kun é
pessoa mais importante para mim.
Algum dia as palavras de Kanato-kun serão revividas.
"Morte ou ruína".
Está bem na minha frente ...
Mas, se isso se tornar realidade,
Azusa-kun e eu estaremos juntos para sempre... ...
-Fim do Ecstasy 7-

Heaven: Primeira e Segunda palavra

Leia Mais ►

Azusa Ecstasy 6 - More Blood


-Cena: Varanda-

Yui: … … Ver as estrelas da varanda é realmente lindo……

A resposta certa veio de repente para mim.

Se você se sentir para baixo durante uma noite estrelada, o charme dela é 
reduzido pela metade…

(Eu estou sendo descuidada sobre o braço de Azusa-kun ... ... eu ainda tenho que reunir a determinação para contar a ele)

(Mas… … Sempre que vejo Azusa-kun, é impossível dizer… …)

(Independentemente disso, eu ainda tenho que dizer a ele… …! Se não, então o braço dele ...)

*Suspiro*… …

-Porta abre-

Azusa: Yui-san… … O que você está fazendo aqui?

Yui: Azusa-kun? O que foi?

Azusa: Eu estava procurando por você.

Porque você não estava no seu quarto quando eu entrei… …

Yui: Ah, desculpe. … …O que você precisava?

Azusa: Eu particularmente não precisava de nada… …

Yui: O que… … !?

(Azusa-kun está pressionado nas minhas costas !?)

Azusa: … … O que? Por acaso você ia fugir da varanda?



I → Eu estava apenas observando as estrelas  (Certa)

→ Eu não estava. (Errada)



Yui: … … eu só vi uma linda estrela.

Azusa: Uma estrela? Sim, isso é certamente bonito...

Você gosta de estrelas?

Yui: Eu gosto delas… … Bem, elas são bonitas quando você olha para elas… …

Azusa: Eu gosto de coisas lindas… …

Yui: Eu acho que alguém gostaria de coisas que são bonitas, certo?

Azusa: Nesse caso, posso mostrar algo ainda mais bonito?

Yui: Eh? Algo bonito… …?

Azusa: Olha.

Yui: Hã? O que você pretende fazer com a faca que acabou de tirar do bolso?

Azusa: Hehe… … Essa faca foi afiada há pouco…

A borda da lâmina realmente brilha… … Você não acha bonito?

Yui: S-sim… … é muito bonito… …

Azusa: Essa faca é minha favorita… …

Yui: (A faca certamente tem um belo design chique… …)

(Azusa-kun queria mostrar isso para mim?)

Azusa: Eu poli essa faca… … para usar assim… …

-Flash Vermelho; Azusa faz um corte profundo no seu braço com a faca-

Azusa: Unngh ……

Yui: Azusa-kun! Por que você fez isso no seu braço…… !?

Azusa: … … Olha, o sangue está saindo… … Quando é assim ao luar… … não é bonito?

Yui: O-O sangramento precisa ser interrompido imediatamente!

(A ferida é muito profunda ... ... muito sangue está sendo perdido!)

Espere, vou ligar para alguém!

Azusa: Não.

Yui: Hã?

Azusa: Não fale com ninguém. Eu não quero perder o nosso tempo precioso, não quero que sejamos ……perturbados.

Yui: O que você está dizendo! Nesta situação... ...

Azusa: Ouça e fique aqui. Ei, meu sangue… … quer lamber isso?

Yui: S-seu sangue?

Azusa: Eu sou sempre o único que está sugando seu sangue…… você não acha isso injusto?

É por isso que você deveria... sugar meu sangue.

Yui: Nn!

(Ele empurrou a ferida na minha cara ... ...)

(O sabor do seu sangue ... ... Então, é assim que é o gosto de Azusa-kun… …?)

Azusa: Hehe… … O sabor do meu sangue… … Adapta-se ao seu gosto?

Seus lábios estão tingidos de um vermelho profundo… … É… … realmente lindo.

Yui: Nn… …

Azusa: Eu vou provar também… … Nn… …

… … É realmente diferente do seu gosto…

Yui: C-Como?

Azusa: Você é mais doce e deliciosa… …

Yui: … … … …

Azusa: Posso me livrar do sabor com o seu sangue?

Eu tenho que chupar agora… … ou não ficarei satisfeito. Desculpa.

Yui: O-O que!!!!

-Outro Flash Vermelho-

Yui: … … !! O-ow… …! [Que agonia dessa parte!]

Azusa: Eu cortei seu braço… … combina com o meu… …

Yui: P-Pare… … Apenas pare… …

Azusa: … … Está apenas começando. Eu vou sugar o sangue dessa ferida ... ... 
Nn... ... *Sugando*… …

Yui: O sangue é ru… … Dói, Azusa-kun.

Azusa: *Lambe*… … Nnn… … Haa… … Está tudo bem… … vou chupar tudo… …

Yui: Mas e quando acabar o meu sangue... ...?

Azusa: Então, você… … só precisa sugar meu sangue para reabastecê-lo… …

Aqui.

Ainda há um fluxo de sangue da ferida ... ... Então, chupe.

Yui: (Eu sugo o sangue de Azusa-kun… …? Isso é)

Azusa: Vamos, depressa… … Apenas chupe…

Yui: … … Nn… ... Ah… …

Azusa: Sim, está certo… … Isso é muito bom… … Nn… … *Chupando*… ...

Yui: Azusa-kun… …

Azusa: Então, com isso…… Você e eu podemos compartilhar o mesmo sangue… … Nn.

-Fim do Ecstasy 6-

Leia Mais ►